CD ACOLHIDA

Anúncio

FAÇA AQUI SUA PESQUISA

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Como usar musicoterapia para ajudar crianças autistas

A música é uma forma de comunicação não ameaçadora e calmante para a criança autista. Como as crianças autistas são hipersensíveis aos estímulos externos, tendem a mostrar uma forte afinidade para ouvir música e tocar instrumentos musicais. A musicoterapia expande essa conexão ao usar a música como uma ferramenta de apoio para habilidades da fala e melhor contato visual. Também pode ser utilizada em outras áreas de reforço na vida de uma criança. Leia mais para aprender sobre como usar a musicoterapia para ajudar crianças autistas.

Instruções 

    Alegrando-se com o poder da musicoterapia

  1. 1
    Esteja ciente de que mesmo as crianças autistas que raramente ou nunca falam, podem responder à música. Elas podem até mesmo cantar. A musicoterapia oferece uma ferramenta que pode fazer a ponte entre a criança não-comunicativa à que começa a falar palavras e frases.
  2. 2
    Leve em consideração que as crianças autistas (e adultos) respondem tão bem a música, que ela pode ser usada como uma interface para ajudá-los a aprender tarefas não-musicais. Por exemplo, se a criança tem vergonha de fazer contato visual, jogos musicais que envolvam olhar para o terapeuta para ter dicas de quando tocar um instrumento, pode ajudar.
  3. 3
    Anote as preferências da criança.

    Use os princípios da musicoterapia em casa

  1. 1
    Segure um instrumento simples, como um pandeiro ou um sino, perto de seu rosto quando for tocar para uma criança autista. Você pode usar esta simples atividade para ajudar seu filho a se sentir confortável com o contato visual.
  2. 2
    Cante músicas para a criança autista enquanto segura uma boneca. Quando a música mencionar "dormir", deite a boneca na cama. Quando a música mencionar "pular", faça a boneca pular.
  3. 3
    Peça ao terapeuta musical para te ajudar a encontrar músicas apropriadas para cada idade, para ajudar a criança autista a aprender palavras e linguagem corporal.
  4. 4
    Obtenha uma formação musical para o seu filho autista quando você e seu terapeuta musical considerarem-o pronto. Dominar um instrumento musical pode proporcionar auto-estima e saídas criativas que resultam em uma criança mais relaxada.
  5. Fonte: Ehow
Recomendo Curso de Pedagogia Hospitalar Recomendo Curso de Educação Infantil

Comente com o Facebook:

Receba nossas postagens